5.23.2014

Maresia

Existe algo deslumbrante
No psicadélico quotidiano que habito.
Sumptuosos lugares que,
Consomem cada pedaço de almas quebradas
Como a minha.
Preciso desalmadamente de algo que sustente os pedaços
Que vagueiam em liberdade.
Necessito de ancorar as ideias que flutuam neste mar,
Ou pelo menos uma nau para que possa navegar.

Já foi tempo de tempestade
Agora espero a bonança.


Sem comentários:

Enviar um comentário